Seminário

Políticas Públicas e Práticas Antirracistas no Audiovisual

07/06/22 - terça-feira | 10:30

Uma abordagem das interfaces entre políticas públicas e ações individuais e coletivas para entender práticas antirracistas no audiovisual que permitam a permanência de profissionais do audiovisual negro.

Palestrante

Oda Rodrigues

Oda Rodrigues é graduado em Linguística pela USP, fotógrafo de movimentos sociais, especialização em cinema, com ênfase em produção, pela UNESPAR/FAP, mestrado com estudos no campo de cinema e educação pelo PPG-Artes/UNESPAR, roteirista e assistente de direção no documentário “Miriam Quer Brigar”, assina roteiro e direção dos curtas “Banheirão”, “A Pesquisa”, “Preâmbulo Para Amar a Rua”, “8 Quadras”, “Gritos da Memória” e “Retrato Falado”, coordena projetos de produção audiovisual na escola pública e em formação audiovisual para professores, atualmente está Secretário Municipal de Cultura de Fazenda Rio Grande.

Fran Camilo

Fran Camilo é produtora, produtora executiva, diretora, diretora de produção cultural, jornalista e proprietária da Metafixa Produções. Nascida em Cáceres-MT, atualmente mora em Londrina-PR. Formada em Jornalismo pela UEL e especializada em Cinema pela Tuiuti, atua em cinema e TV, somando mais de 20 obras. Seus principais trabalhos são: “Mirador” (Bruno Costa), “Deserto Particular” (Aly Muritiba), “Alice Junior” (Gil Baroni), “A Mesma Parte de Um Homem” (Ana Johann), “Tentei” (Laís Melo), “Bicho do Mato” (Juliana Sanson) e “Duda” (Eugenia Castello e William Biagioli). Além disso, dirigiu o longa doc. “Londrina Sorri Para o Choro” (2018), o curta “Meu Nome é Eva” (em finalização), o doc. “A Paz Que A Gente Quer” (em finalização). Atualmente também está produzindo uma série para o Canal Brasil chamada “Caravelle 114”.

Kariny Martins

Curadora, pesquisadora e roteirista. É sócia na Cartografia Filmes e roteirista na TV Globo. Mestre em Cinema e Artes do Vídeo pela Universidade Estadual do Paraná com pesquisa sobre Ficção especulativa no Cinema Negro brasileiro e Doutoranda em Comunicação pela Universidade Federal Fluminense com investigação em curadoria. Seus interesses em pesquisa e atuação transitam entre ficção especulativa, curadoria em perspectiva decolonial e Cinemas Negros contemporâneos.

Andrei Bueno Carvalho

Andrei Bueno Carvalho Graduado em Cinema e Vídeo pela UNESPAR/FAP. Atua nas áreas de Produção, Produção Executiva, Roteiro e Direção. Sócio fundador da Cartografia Filmes, produtora audiovisual vocacionada para o audiovisual identitário negro, sediada em Curitiba-PR. Diretor Executivo no Griot – Festival de Cinema Negro Contemporâneo. Curador de roteiros no CURITIBAlab 2020-2022 – Olhar de Cinema. Diretor e roteirista do curta “Copiloto” (2018), selecionado em diversos festivais nacionais. Eleito Conselheiro Municipal do Audiovisual em Curitiba na gestão 2021-2023.