Filme de Encerramento

No dia 14 de outubro o Olhar de Cinema encerra o ciclo da sua 10ª edição com o filme Nós, longa-metragem inédito da cineasta baiana Letícia Simões. A diretora já participou do festival em outras edições, tendo recebido, em 2019, o Prêmio da Crítica Abraccine com o filme Casa e, em 2018, o Prêmio de Melhor Longa-metragem Brasileiro da mostra Outros Olhares com o filme O Chalé é uma Ilha Batida de Vento e Chuva.

NÓS
Letícia Simões | Brasil, 2021, 80’
“Se você não se identifica com o lugar em que nasceu e de alguma forma cria sobre isso, me escreve” – o anúncio de Letícia Simões nos classificados de um jornal possibilita encontros com as histórias de seis artistas radicados em Berlim. Temas como identidade, território e imigração perpassam as vivências compartilhadas com a realizadora de “Casa” (Olhar ‘19) e “O Chalé é uma Ilha Batida de Vento e Chuva” (Olhar ‘18). Com sua interlocução andarilha, a diretora elabora fusões de diferentes mundos, inspirando uma acolhedora sensação de impermanência. (Leonardo Bomfim)